Operacionalização da teoria dos ciclos de vida dos clusters. As indústrias criativas como contexto para a reflexão e o Software Educacional e de Entretenimento no Norte de Portugal como caso de estudo.

Patricia Romeiro, Flávio Nunes

Resumo


Este artigo propõe uma reflexão sobre a dinâmica evolutiva dos clusters, à luz da teoria do ‘ciclo de vida dos clusters’ (CVC), e sobre os elementos adequados para captar, na prática, essa mesma dinâmica. Partindo de uma revisão da literatura, o estudo centra-se depois na análise de um cluster organizado - Software Educacional e de Entretenimento no Norte de Portugal. A revisão da literatura e a análise do estudo de caso permite concluir que, apesar do crescente reconhecimento da relevância dos fatores soft (ex. capital social, redes) na dinâmica de um cluster, esta tende a ser frequentemente analisada a partir de dados estatísticos relacionados com o seu crescimento. Propõe-se por isso um modelo analítico capaz de combinar elementos quantitativos e qualitativos, e que permite comparar as diferentes trajetórias de evolução dos clusters.

http://dx.doi.org/10.17127/got/2013.4.012

 

Data de submissão: 2013-09-12

Data de aprovação: 2013-12-06

Data de publicação: 2013-12-30

 


Texto Completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Entidades Patrocinadoras